MAS avalia que MP 873 busca fragilizar entidades que lutam contra a ‘reforma’ da Previdência

3/04/2019 | 09:01 - matéria visualizada 133 vezes
Em vídeo, coordenador nacional do Movimento Acorda Sociedade (MAS) anuncia publicação de uma nota pública denunciando a inconstitucionalidade do texto que visa inviabilizar a saúde financeira das entidades representativas. Nery Júnior destacou papel da Confederação dos Servidores Públicos do Brasil (CSPB) entre as filiadas comprometidas com defesa dos interesses dos trabalhadores do setor público.
 

Assista: 



Clique AQUI e acesse a plataforma digital que dispara e-mails aos parlamentares em defesa da Previdência Social. 


Fonte: Movimento Acorda Sociedade (MAS)
 
Versão para Impressão