Assembleia Geral referenda comissão eleitoral do Sindjus-MA que conduzirá as eleições de 2020

28/12/2019 | 10:46 - matéria visualizada 550 vezes
O Sindjus-MA apresentou durante a Assembleia Geral a composição da Comissão Eleitoral responsável pela condução das eleições gerais do Sindjus-MA que acontecerão em abril de 2020O Sindicato dos Servidores da Justiça do Estado do Maranhão (Sindjus-MA) apresentou na manhã deste sábado (28), durante Assembleia Geral Extraordinária, realizada na Sede Social na entidade, a composição da Comissão Eleitoral responsável pela condução das eleições gerais do Sindjus-MA que acontecerão em abril de 2020.

A composição da comissão eleitoral foi lida pelo presidente do Sindjus-MA, Anibal Lins, no início da assembleia, informando que a mesma havia sido divulgada também nos órgãos de imprensa e no site do Sindicato.
 
Foram nomeados para a Comissão Eleitoral os seguintes servidores: José Ribamar Sanches Filho (técnico judiciário), Ana Maria Barbosa da Silva (auxiliar judiciária), Eloisa Barbosa Cardoso Marangoni (analista judiciária), Francisco das Chagas Lopes dos Santos Filho (comissário da Infância e Juventude) e Emanoel Jansen Rodrigues (oficial de justiça), todos lotados em São Luís. Submetidos os nomes à deliberação do plenário, a comissão eleitoral foi referendada por 40 votos, tendo recebido 15 votos contrários e nenhuma abstenção.

Servidores acompanharam a contagem dos votos durante a Assembleia Geral para referendar a Comissão Eleitoral que conduzirárá as eleições gerais do Sindjus-MA que acontecerão em 2020
Além de elaborar o Regimento Eleitoral e publicar o Edital de Convocação das Eleições  até 50 dias antes do pleito, caberá também á Comissão Eleitoral apurar e proclamar o resultado da votação, garantir a participação de representantes das chapas concorrentes na fiscalização do processo eleitoral e decidir sobre os casos omissos no processo eleitoral.
Versão para Impressão