Sindjus-MA consegue novo prazo de adesão sem carência à Unimed Teresina e inclusão de netos como dependentes

13/05/2020 | 18:11 - matéria visualizada 679 vezes


A Diretoria do Sindjus-MA, atendendo a pedidos de servidores titulares de Planos Saúde que tiveram mensalidades recentemente reajustadas, conseguiu, junto à operadora Unimed Teresina, a abertura de nova janela de oportunidade para a adesão de usuários com CARÊNCIA ZERO. Outra boa notícia é que o limite de idade para incluir dependentes foi estendido de 24 para 36 anos. E agora, o servidor que desejar, poderá incluir seus netos como dependentes. O servidor filiado ao Sindjus-MA tem até o próximo dia 15 de junho para enviar a documentação e fazer a adesão sem carência. 

"A inclusão de netos dos servidores como dependentes é algo novo e uma conquista da Diretoria do Sindjus-MA. Também conseguimos estender o limite de idade dos dependentes de 24 para 36 anos. Isso é fruto de muito diálogo junto a operadora Unimed Teresina", afirmou o secretário-geral do Sindjus-MA, Márcio Luís Andrade (foto), que esteve à frente da negociação por melhores condições para os servidores.

A vigência do Plano para quem fizer a adesão até 15 de junho será 1º de julho de 2020. Como dito anteriormente, quem entregar a documentação nesse prazo fará a adesão com CARÊNCIA ZERO. 

A tabela de preços do plano permanece sem alteração:




Auxílio saúde

Um detalhe importante para quem fará sua primeira adesão a um Plano de Saúde é que a solicitação do auxílio saúde junto ao Tribunal de Justiça do Maranhão é de responsabilidade do  servidor, não do Sindicato.

Por meio do Convênio com a Unimed Teresina, o Sindjus-MA oferece Plano de Saúde com cobertura nacional, obstetrícia e acomodação do tipo apartamento.

Como fazer a adesão

Em razão da Pandemia do novo corona vírus, os documentos serão recebidos somente por e-mail. 

Todo o passo a passo, tabela de preços, a lista de documentos, os formulários a serem preenchidos podem ser acessados na página do Convênio Unimed Teresina no Portal Sindus-MA.
Versão para Impressão